Lost at the purpurina

Tenho uma lista de blogs que eu entro no mínimo toda semana, toda vez que eu preciso ter uma ideia, na verade, porque são lindos e inspiram, e um make pomerano lá? É lindo! PS. Vai vendo a @followlori, vamos acompanhar!

.

Link.

Anúncios

Jem e as Hologramas

Inspiração pra festinha do dia 25??

 

 

#cumfusao


Que destaque na Estética, heim gatinha…

Foi uma surpresa e um prestígio de it-coco ser indicada entre tantas pica-grossas pro reconhecido prêmio da Gazeta. Poxa Gazeta, valeu por sempre estar de olho, que bom, nós estamos sempre aprontando por aí, que legal quando notam… A votação vai só até amanhã, quarta, dia 15, então se você ainda não votou, vote na gatinha dourada aqui, no ideal CUT CLUB como um todo e principalmente na força da internet como destaque do ano na estética, só pra abrir 2011 com gás renovado, que esse sim, eu garantho, vai ser no nosso ano 🙂

LINK pra votar aqui!

.

Não deixe de clicar aqui e votar também na categoria artista do ano, que o Mozine tá concorrendo, e vocês sabem o tanto que eu adoro meu migucho, e o verão tá chegando e eu queria muito um boné da Laja pra jogar frescobol na praia… Repara que a gente é tão nascido para a amizade que até na foto a gente saiu lado a lado… é o amôôôr….


Batom vermelho

– clica nos links que vai fazer mais sentido, ou não –

Maquiagem parece vício as vezes pra mim. Estou notando que se desenvolveu um TOC já: não saio de casa sem no mínimo corretivo, rímel e blush. Digo no mínimo porque passo eles pra ir à praia. Em cima do filtro, e todos os produtos que são de praia. Antes de ir dormir, mais mil etapas, as de antes de ir dormir. Será que isso tudo tem sentido? Eu me pergunto também. Tava em Salvador ontem, me apaixonei na cidade, da energia das pessoas nem falo, só ouço. Tava de batom vermelho. Falei aqui em baixo que ganhei os produtos e tô querendo testar todos eles pra fazer post. Não que eu não fosse curtir isso por si só, mas agora não saio mais sem o Lady Danger. Tava meio wou demais pro ambiente, mas eu fico tranquila com isso. Vai me dizer que ninguém tem seu lado só um tiquinho cafona? Quando eu penso em testar produtos é isso. E usar batom vermelho já é como uma pesquisa social pra mim, o “batom vermelho e as situações”. Sempre disse que no seu dia de pior humor, passa batom vermelho de manhã pra ir trabalhar, eu garanto e comprovo que muito menos pessoas puxarão papo com você logo de cara. As pessoas te olham de outro jeito mesmo, por isso que muita menina não tem coragem de usar. Mas falemos sobre coragem rs. Não é tudo uma grande brincadeira? Porque tem que ser tão sério? Enfim, vocês sabem, eu acho assim, e só o que nos cabe mesmo é o teste e o novo teste. Eu defendo o batom vermelho, e até o azul, não é pela cor nem pelo batom.

Uma moça lindíssima, a Suzana, que a gente conheceu no ônibus pro Pelourinho, foi tudo por causa do batom vermelho. E a conversa sobre como as vezes a gente vai devagarzinho esquecendo da gente, e como isso é uma ladeira abaixo. Um dia que a gente fica com “preguiça”, uma semana, depois tudo é motivo, essas coisas que todas as meninas já sabem, é o caminho da depressão. Do meu vício com corretivo-rimel-blush, sei lá, acho que ainda tô bem. Não vou nem chamar de vício, vou chamar de esporte. Das categorias aos básicas às mais complexas, e divertidas.

Lembro muito quando eu descobri a maquiagem no dia a dia, foi um shinninghappyday rs, conta direitinho nesse post, do Dia de Beaute, que eu sou muito fã. Fui entrando nesse mundo toda tímida, e fui descobrindo tantos pequenos prazeres que faziam tão grandes diferenças… Acho que é mesmo o lance dos pequenos prazeres… É muito legal ver o curso rolando porque as meninas tem uma injeção rápida disso, de descobrir elas mesmas, como eu mesma já passei e continuo passando, todo mundo né. É lindo de se ver, eu sempre vou achar isso lindo. A gente menina tem, pelo menos nessa configuração social rs, uma chance muito maior de se contruir e re-construir, e colorir, e voltar atrás e passar nude, de colocar a bochecha no lugar, de apagar aqui ou alí, enfim…. fazer isso direito – ou melhor, tirar o máximo proveito disso, é um direito feminino.

.

Lady Danger* no sol (ou no por-do-sol do farol) – Aprovado.

.

(*Lady Danger, R$ 69,00 logo alí na MAC do Shopping Vitória – já pensou? É logo mais!)

Próximos produtos e links com sentido múltiplos, se tudo correr tão surpreendentemente bem, em breve.


Mashup visual em homenagem à sexta

Ainda não tinha visto!

do sempre criativo @andrepaste.


#osblogscapixabaschegaram

Poxa, acho que foi um dos lugares de moda que eu fiquei mais metida de ser citada, porque sou muito fã. Hoje saiu do CUT, outros blogs daqui e principalmente o movimento como um todo aqui ô:

.

Pra ver (e vê mesmo, please), clica aqui. O Oficina de Estilo todo mundo já deve conhecer, é fino demais. O que eu mais gosto delas é o fato de sempre darem um mundo de referências (e não parar no primeiro modismo), sempre questionadoras e incentivando as pessoas a testarem coisas novas. E a Fê é daqui do ES, sabiam? Ela fala lá na matéria, dá uma olhadinha, sério, tá muito fofa e carinhosa com a nossa cena.

Sensualizou geral galera!!! Fê, valeu pela atenção, vc não sabe a diferença que isso faz na história toda…


#jameika around

.

Paciência, o mundo entrou em reggae mode ON.

.

I smoke two joints.

@smoke2joints420

@andrepaste